sexta-feira, abril 8

DENTRO DAS MINHAS MALAS EU CARREGO MUITAS COISAS...

Carrego vivências acumuladas por muitas
e muitas jornadas.
Tantas dúvidas e incertezas.
Quantas coisas guardadas.

Eu carrego muitas coisas...
O andarilho em busca de abrigo,
O nobre, o juiz, o bandido,
O feiticeiro, o anjo, o banido.

Carrego coisas pesadas:
A aflição, o medo, a espera.
O arrependimento, a culpa, o pecado.
A obrigação de desfazer o mal feito e desta
feita fazer direito.

A obrigação de reconstruir os meus templos
Profanados pela ação do tempo.
Eu carrego muita esperança:
Carrego o ingênuo, o sonhador, a criança.
Carrego o santo, o mago, o diabo.
Um sorriso para ser ofertado.
Carrego o seu carinho que por mim sempre será lembrado.

(Recebi sem indicação da AUTORIA.)

1 Comment:

Lourdes said...

Olá Viviane.
Amo poesia!!!E com essa até me identifiquei.Linda a poesia e seu blog também!!!

Related Posts with Thumbnails
 
©Dez 2009 Rachel Por Encomende Aqui Blog Dos Layouts